Gases sanguíneos

Gases sanguíneos

A heparina balanceada com Ca2+ dosada na forma fluida garante uma homogeneização rápida e ideal de sangue e anticoagulante. Para a obtenção de amostras venosas e arteriais, está disponível o Monovette® para gases sanguíneos nas versões 1 e 2 ml. Os capilares de gases sanguíneos oferecem um espectro de volumes nominais entre 100 e 175 µl.

  • 1 - 10 de 20 produtos
  • Produtos por página: 5 ǀ  10 ǀ  Todos
Sistemas de Coleta de Sangue

Sistemas de Coleta de Sangue

Informação para encomenda Sistemas de Coleta de Sangue

Informação para encomenda Sistemas de Coleta de Sangue

Gasometria

Gasometria

General

  • +

    A Sarstedt tem sistemas de coleta para a gasometria?

    Sim, a Sarstedt dispõe de sistemas de coleta para a obtenção de amostras arteriais, venosas (1 e 2m l) capilares (100 µl, 125 µl, 140 µl, 175 µl). O Monovette® para gases sanguíneos e os capilares de gases sanguíneos são preparados com heparina balanceada com Ca2+ (cálcio). 

  • +

    Como é preparado o S-Monovette® para gases sanguíneos?

    O Monovette® para gases sanguíneos se caracteriza por um preparo líquido com heparina balanceada com Ca2+, que garante uma mistura rápida da heparina com o sangue.

  • +

    O que é heparina balanceada/titulada/equilibrada com Ca2+?

    Nesta heparina, todos os pontos de ligação ativos estão saturados com cálcio para que possa ser determinado o Ca2+ livre da amostra de sangue sem nenhuma influência.

  • +

    O que deve ser considerado ao terminar a coleta de sangue com o Monovette® para gases sanguíneos em um acesso vascular?

    No final da coleta de sangue, o Monovette® para gases sanguíneos deve ser separado do acesso vascular rodando para a direita. O mesmo se aplica à conexão e à desconexão ao/do analisador.

  • +

    Por que o excesso de ar em uma amostra de sangue deve ser eliminado logo depois de uma coleta de sangue para gasometria?

    Normalmente, em uma gasometria, o status de oxigênio ou de CO2 é determinado a partir do sangue. Por isso, tem de ficar garantido que a amostra de sangue não acumula mais oxigênio proveniente do excesso de ar.

  • +

    O Monovette® para gases sanguíneos para ficar bem misturado deve ser agitado ou rodado com força?

    Não. Dado que o Monovette® para gases sanguíneos cheio e liberto de excesso de ar não possui volume morto, depois da coleta de sangue, se recomenda rolar cuidadosamente a amostra entre as palmas das mãos.

  • +

    Quanto tempo depois de uma coleta de sangue pode ser feita uma gasometria (ABG) a partir de uma amostra de sangue não refrigerada?

    A ABG deve ser feita o quanto antes, o mais tardar 15 minutos após a coleta de sangue.

  • +

    É possível conectar a agulha de segurança Safety/a agulha de segurança Safety-Multifly® ao Monovette® para gases sanguíneos - que possui uma conexão Luer - e coletar sangue?

    Sim, com o adaptador de membrana (ref. 14.1112). Este é colocado sobre o cone Luer do Monovette® para gases sanguíneos e completado, como habitualmente, com a cânula de segurança Safety/cânula de segurança Safety-Multifly®.

De volta ao topo