Tubos

Tubos (Tube finder)

Como um dos maiores fabricantes em todo o mundo de tubos especiais e de centrífuga, produzimos tubos de fundo redondo, cônico e plano com e sem base com saia. Além da seleção de uma variedade de matérias-primas, volumes, variantes de embalagem, padrões de pureza e tubos impressos ou rotulados, também estamos em condições de oferecer variantes individuais de artigos, como p. ex. uma rotulagem de códigos de barras.

  • 1 - 10 de 196 produtos
  • Produtos por página: 5 ǀ  10 ǀ  Todos

General

  • +

    Qual é a precisão da escala dos tubos de 15 e 50 ml?

    A escala dos tubos de 15 ml tem uma tolerância de volume de aprox. +/- 100 µl e a dos tubos de 50 ml é de +/- 250 µl.

  • +

    Quais são os valores para a centrifugação dos tubos de reação e de centrifugação?

    Não é possível dar uma indicação genérica devido aos diferentes tipos de tubo e aos materiais usados. Uma indicação mais precisa relativamente à capacidade de centrifugação pode ser encontrada nas especificações dos produtos em questão.

  • +

    Os tubos de reação e de centrifugação podem ser autoclavados?

    Se os tubos de reação e de centrífuga são fabricados a partir de polipropileno ou policarbonato, eles podem ser esterilizados em autoclave a 121 ° C sem qualquer perda apreciável de propriedades mecânicas.

    Devido à sua baixa resistência à temperatura, tampas de tubos tipicamente fabricados a partir de polietileno (PE) não é recomendado para a esterilização por autoclavagem. As tampas de rosca fabricadas a partir de polipropileno (PP) deveriam ser ligeiramente soltas para impedir a deformação do tubo causada por mudanças de pressão e temperatura durante o processo de autoclavagem.

    O usuário deve verificar se outras características do produto são afetadas pelo tratamento em autoclave em termos do uso desejado.

  • +

    Os produtos de polietileno podem ser autoclavados?

    A princípio, não se recomenda a autoclavagem a 121 °C de produtos ou partes de produtos de polietileno (PE). Isso se deve à baixa resistência térmica do plástico PE, que apresenta uma temperatura máxima contínua de serviço entre 60 e 80 °C. Por isso, danos no produto não podem ser excluídos. Como exemplo, podemos aqui nomear a deformação geométrica, que pode, p. ex. provocar irregularidades nos tubos de rosca.

  • +

    Os tubos de polipropileno podem ser usados para congelamento?

    A princípio, uma utilização de tubos de PP com temperaturas negativas tem de ser testada em condições reais, dado que a carga dos recipientes pode variar muito em função do meio de congelamento e das condições de rotina. Com base em nossas experiências e testes realizados com tubos de PP, podemos lhe dar algumas indicações.

    Basicamente, nos produtos de PP, os valores de resistência são reduzidos a temperaturas inferiores a 0°C e, por isso, é preciso considerar que os tubos congelados não devem ser expostos a determinadas cargas mecânicas (p. ex. não deixar cair os tubos da mesa). As condições de congelamento devem ser escolhidas de forma a que o conteúdo seja congelado uniformemente ou de baixo para cima. Se, devido a condições de congelamento desfavoráveis, o recipiente começar a congelar por cima, poderão surgir fissuras por expansão na parte de baixo. Como exemplo, os suportes de isopor, dependendo do diâmetro da abertura, têm um forte efeito isolante, que dificulta o congelamento do tubo por igual. A princípio, os tubos em um suporte ou caixa de armazenamento têm de ter espaço suficiente para poderem se expandir. Devido aos inúmeros fatores que podem ter influência, recomendamos que faça um teste de congelamento de acordo com suas condições de rotina.

De volta ao topo